28.8.09



O que diz o nosso hino
Ouviram-se nas margens serenas do Ipiranga,
gritos fortes e estrondosos de um povo valente,
num dia em que o sol brilhava com raios de liberdade.
No céu aparecia mais uma pátria com seus próprios domínios,
a segurança de uma pátria conquistada com os esforços de seus próprios filhos que lutava em busca de liberdade ou de morte. Seus filhos clamavam:
“salve nossa pátria amada”.
Quando a liberdade tão sonhada desce à terra,
no seu formoso céu nasce a imagem de um brilhante Cruzeiro,
Um país enorme por natureza, bonito, forte,
corajoso, com grande poder onde o futuro transmite essa grandeza.
Brasil terra amada! Entre as várias nações és tu uma outra pátria,
delicada mãe dos filhos deste solo brasileiro.
Deitado eternamente em berço, vivos,
alegres, ao lado do mar sob a luz do céu profundo.
Brasil, uma flor da América, iluminado pelo sol do novo mundo,
com terras enfeitadas, campos floridos e bosques resistentes,
o que faz a vida mais amada.
Brasil de amor, símbolo do mundo,
sua bandeira apresenta estrelada,
com o verde amarelo nos dizendo:
paz no futuro! Glória no passado!
A justiça é sua arma e teus filhos não fogem à luta, morrem por ela.

INTERPRETAÇÃO:
Cláudio Wilson dos Santos Pereira (Texto escrito em 1994, nos comemorativo da semana da pátria)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adoro ler seu comentário! Beijos!

Eu sou Lúcia Martinelli

Minha foto

Eu sou Lúcia Martinelli, nasci em 28.06. Sou filha de Cândido Martinelli e Maria Grando, estudei em Passo Fundo RS, nas escolas Alfredo Pujol, Notre Dame, Joaquim Fagundes dos Reis e Cursei o 2º grau no Colégio Bom Conselho e o ensino superior na Universidade de Passo Fundo e fiz Pós –Graduação em Alfabetização Construtivista na UPF com o GEEMPA e conclui 1989. Hoje moro em Balneário Camboriú e estou fazendo todas as leituras que gostaria de ter feito e não tinha tempo para faze-las. Estou amando!

 

Trabalhei na Faculdade de Odontologia da UPF e fui secretária e auxiliar odontológico.

Exerci a função do magistério na rede particular de ensino, no Colégio Notre Dame por onde me aposentei e na rede municipal nas escolas Vidal Colussi, Fundação Educacional do Menor, UPF em Assessoramento Construtivista, Notre Dame Municipal e Antonino Xavier, onde me aposentei. Aleluia!!!

Trabalhei em turmas pela ordem dos acontecimentos: multiseriada (de pré a 4ª série) todos na mesma sala, Jardim, Pré, 1ª série, 2ª série, 2º ano, 3ª série, 4ª série, 5ª série e 1º ano do 2º grau.

Sou professora por opção porque adoro o ato de ensinar e aprender, o convivio com as crianças sentir a mundança e o crescimento acontecendo no dia a dia, ser o elo mediador entre aluno e conhecimento desafiando e apoiando para que o processo de aprendizagem aconteça o mais rápido possível. A experiência da alfabetização é algo indiscritível, só experimentando para saber a delicia da magia que é “o ver acontecer”.

 

A educação é um processo contínuo que toma o homem sobre sua responsabilidade desde a infância até a morte.

PROFESSORA LUCIA MARTINELLI

PROFESSORA LUCIA MARTINELLI
ATIVIDADES E PROJETOS